Alfonso Herrera

Alfonso Herrera

Quem não tinha ilusões quando era criança? Quem não repetiu incansavelmente ‘quando eu for adulto eu quero ser…’? Pois Alfonso Herrera tinha sonhos grandes. Mas como alguém que desejava ser piloto de aviões pode ser visto hoje em nossas telas de televisões ou pode ser encontrado nas enormes publicidades de cinema?

Tudo começou no México. Sim, seu país natal. ‘Poncho’ —seu apelido tão conhecido— nasceu em um domingo, 28 de agosto de 1983, no Distrito Federal. Sua infáncia se dividiu entre essa cidade e Guadalajara. Vivia entre disfarces… todos os finais de semana um personagem diferente se apoderava dele; podia ser uma tartaruga ninja, Mario Bros., Batman, entre outros. Um indício inconsciente da sua verdadeira profissão? Provavelmente. Entretando, o menino aplicado na escola só esperava se mudar para uma escola de aviação em San Antonio, mas a vida o preparou uma mudança de trezentos e sessenta graus.

Uma proposta, talvez um jogo, mas ele aceitou participar de um grupo de teatro experimental na escola, junto aos seus companheiros. Esse foi o primeiro de muitos passos que deu para chegar a quem é hoje: um jovem ator que dia após dia se torna mais confiante em sua carreira.

Pequenos personagens nas obras ‘Las brujas de Salem, ‘Cómo matar a un ruiseñor’ e ‘Antígona’, o permitiram ir descobrindo qual era realmente a sua paixão. Além disso, as grandes portas da atuação se abriram quando ele filmou seu primeiro filme, ‘Amar te duele’ (2002), conseguindo tal notoriedade que o famoso produtor mexicano de novelas juvenis, Pedro Damián, o convidou para fazer um teste para seu novo projeto, ‘Clase 406 (2002). Juan David, como se chamava seu personagem, não só marcou o seu ínicio na televisão, mas também mostrou como era difícil trabalhar seguindo os ritmo das gravações. Poncho viveu momentos de dúvidas mesmo no meio das locações, turnés e apresentações, ainda pensava em estudar aviação. Novamente, Pedro Damián o ofereceu outro projeto. Desta vez, um papel de protagonista na novela juvenil ‘Rebelde’(2004). A nova proposta levou Poncho pensar que, realmente, podia ter a atuação como um meio de vida..

O grande êxito do melodrama e a banda que se formou graças à ele, RBD, fizeram com que Alfonso Herrera e seus companheiros de grupo adquirissem fama mundial. A vida de Poncho ficou imersa entre discos, shows e, inclusive, uma nova série com o grupo (RBD: La Familia).

2008 foi um ano de regressos e despedidas para Alfonso. Em janeiro, voltou ao cinema para protagonizar uma comédia romântica chamada ‘Volverte a Ver’. Em março, juntou-se ao elenco da versão local da obra teatral ‘The Pillowman’. E, no meio do ano, RBD anunciou sua separação.

Sem turnês e sem música, Poncho focou sua carreira em uma direção muito clara: a atuação. Em setembro chegou à sua vida Leonardo Carral, personagem que encarnou na série dramática ‘Terminales’.

Em 2009, participou das séries ‘Tiempo Final 3’, no episódio chamado ‘El Billete’ e, depois, em um capítulo de ‘Mujeres Asesinas 2’, chamado ‘Soledad, Cautiva’.

Em julho do mesmo ano, volta aos sets de filmagens para protagonizar, junto a cantora e atriz Belinda, a novela ‘Camaleones’ onde o mexicano interpretou um ladrão de obras de arte.

No mesmo ano, Poncho descobriu uma nova faceta na sua carreira como ator: a dublagem. O jovem ator deu sua voz a ‘Igor’, o personagem central do filme de animação que leva o mesmo nome, produzido por The Weinstein Company. Momentos de muito cinema para ele, já que depois, Herrera personificou um técnico em comunicações, chamado Frank Moore, no filme multipremiado ‘Venezzia’, uma história de amor ocorrida em meio a fatos históricos.

Em 2010, debutou como apresentador no ‘AXN Film Festival’. Depois, voltou ao teatro com ‘Rain Man’, com Plutarco Haza e Paola Núñez, entre outros.

No ano seguinte, o ator mexicano voltou às telas cinematográficas com a estreia de ‘Así es la suerte’, sob a direção de Juan Carlos de Llaca.

Sua volta às telas pequenas ocorreu nesse mesmo ano, com Pedro Torres, que levou a protagonizar uma série policial chamada ‘El Equipo’. Sob as ordens desse produtor, Poncho participou como Aquiles Serdán em um dos capítulos da série histórica ‘El Encanto del Águila’, que relata os acontecimentos que marcaram a época da Revolução Mexicana.

E, em um 2011 marcado por séries, finalmente ‘El Diez’ chegou à tela do ESPN Esportes, sendo a primeira ficção transmitida neste canal de televisão. Poncho, depois de muitos meses de preparação e treinamentos, deu vida à Salvador ‘Chava’ Espinosa, uma nova estrela de futebol.

Em 2012, Poncho se lançou ao teatro novamente. Dessa vez, como um dos protagonistas de ‘Nadando con Tiburones’, o jovem ator deu vida a Gus em uma comédia cheia de suspense e humor negro. Entre apresentação e apresentação, o mexicano voltou à dublagem. Compartilhando créditos com Danny DeVito, Poncho deu sua voz a Ted, um idealista de 12 anos, no filme chamado ‘El Lórax’.

Dando uma pausa entre tantas atividades, Poncho assumiu vários compromissos altruístas em 2012, convertendo-se na voz das campanhas de ‘Greenpeace México’ e ‘Non Violence México’. Além disso, foi a figura convidada para o ‘Requiém a Pedro Infante’, que foi realizado no Teatro Victoria, na cidade de Durango.

O ano de 2013 trouxe a participação de Poncho no filme dramático ‘Obediencia Perfecta’, no qual interpretou Sacramento Santos em sua versão adulta. Também protagonizou, com Paz Vega e Maya Zapata, o filme de terror‘Espectro”, assumindo o risco de interpretar Mario. E, mesmo tendo admitido sentir-se como um intruso no mundo das dublagens, foi inegável seu profissionalismo e excelente trabalho, já que a Dreamworks o convidou para ser Guy na sua produção infantil ‘Los Croods’, e com Juan José Campanella deu voz para o público hispando americano a Amadeo, no filme ‘Metegol’.

Seguindo com seus trabalhos solidários, nesse ano Herrera se juntou a ‘Va X Mi Cuenta’, campanha dedicada a alimentar as crianças mexicanas com risco de desnutrição.

Podemos dizer que 2014 foi o início de uma nova etapa na carreira de Alfonso? Não podemos assegurar, mas temos muitas provas que nos levam a suspitar disso. Projetos variados, desafios em novos campos e cruzadas de fronteiras protagonizaram esse ano para o ator, começando com ele sendo jurado em ‘Super Cerebros’, programa produzido por NatGeo para toda a América Latina. Poncho conseguiu se fazer com o novo personagem que esperava desafiar Pedro Pablo León Jaramillo, na terceira temporada da exitosa série da Fox, ‘El Capo’, onde deu vida a Juan Vicente Blanco, conhecido como “Niño Malo”. E, entre tiroteios e mafiosos, Alfonso conseguiu um lugar para vencer o novo desafio proposto por NatGeo, se transformando no apresentador do ciclo‘La Ciencia de lo Absurdo’, que contou com duas temporadas (continuando em 2015) e um especial de natal. Logo depois ocorreu a estreia tão esperada e temida, do polêmico filme ‘La Dictadura Perfecta’, onde interpretou o produtor Carlos Rojo e o qual se converteu em um dos filmes com maior bilheteira do ano na América Latina.

Podemos dizer que 2015 foi um ano de consagração internacional para esse inquieto ator? Sim, e não temos medo de afirmar. O sonho cumprido chegou com Hernando, o personagem que interpretou na série internacional para Netflix, ‘Sense 8’, dirigida pelas irmãs Wachowski. No meio do ano houve a estreia de ‘Minions’, filme de animação que marcou a volta de Alfonso ao mundo das dublagens. Para encerrar esse ano, Poncho colocou os óculos de sol para protagonizar a série produzida por Sony e Televisa, ‘El Dandy’.

O ano 2016 começou e já promete! Esperamos a estreia das novas temporadas de ‘Sense8’ e ‘La Ciencia de lo Absurdo’, o final da temporada de ‘El Dandy e a estreia do filme ‘El Elegido’, uma co-produção espanhola que está baseada em fatos históricos, onde Alfonso interpreta Ramón Mercader, o catalão que assassinou Trotsky.

Alfonso Herrera é considerado como um dos galãs das telas, além disso, ninguém parece duvidar do grande ator, que se consolida entre o público e os meios de comunicação como um dos atores preferidos, em pouco mais de uma década de carreira. Podemos falar de personagens inesquecíveis, do projetos indicados ou, talvez, da sua entrega quando um novo papel chega às suas mãos. Entretanto, é impossível não fazer referência a sua audácia na hora de encarar seus projetos diferentes, cheios de desafios que o ator parece não temer. Alfonso Herrera afirma que seu trabalho fala por ele. E ele tem razão, Poncho é um jovem inquieto, em busca constante, decidido a trabalhar em projetos que tenham uma mensagem, porque ele tem algo a nos dizer.

Premiações:

Se falamos de carreiras bem-sucedidas, é impossível não pensar em Alfonso Herrera. Ele não só é dono de uma carreira variada e intensa, é, também, frutífera. Ao longo desses mais de dez anos, Poncho soube colher vários prêmios, tais como:

  • MTV Movie Awards México (2003): Vilão Favorito (Amar te duele).
  • Festival internacional do cinema do Canadá (2010): Melhor ator (Venezzia).
  • Premios Juventud (2010): ¡Qué actorazo! (Venezzia).
  • Asociación de Periodistas Teatrales ATP (2011): Revelação masculina teatral (Rain Man).
  • Premios Esquire Top 5 México (2012): Homem mais destacado nos espetáculos.

E parece que o talento e a beleza andam juntos ou, pelo menos, esse é o caso. O jovem também foi gratamente premado pelo seu aspecto; isso pode ser visto em seus dois anos consecutivo como ‘O homem mais desejado e sexy do México’ pela revista ‘Quién’, sua nomeação em 2009 como um dos ’25 homens mais bonitos’ pela revista ‘People en Español’, e seu prêmio por dois anos consecutivos nos ‘Premios Juventud’ na categoria ‘Está buenísimo’.

  • Prêmio Agente de Mudança (2014): O ator se converteu no primeiro em receber esse reconhecimento, nos MTV Millennial Awards, pelo seu incansável trabalho social e luta em defesa do meio ambiente.
  • Prêmio GQ Ator do Ano (2015) pela revista GQ México
  • Personagens que transformam o México (2015) pela revista Quién.

 

FILMES

Ano Filme Personagem Mais
2002 Amar te Duele Francisco INFORMACIÓN »
2008 Volverte a Ver Pablo Murillo INFORMACIÓN »
2009 Venezzia Frank Moore INFORMACIÓN »
2011 Así es la Suerte Guillermo INFORMACIÓN »
2013 Espectro Mario INFORMACIÓN »
2013 Obediencia Perfecta Sacramento Santos (adulto) INFORMACIÓN »
2014 La Dictadura Perfecta Carlos Rojo (productor) INFORMACIÓN »
2016 The Chosen (El Elegido) Ramón Mercader INFORMACIÓN »

PROGRAMAS / SÉRIES

Ano Séries Personagem Mais
2007 RBD: La Familia Poncho INFORMACIÓN »
2008 Terminales Leonardo Carral INFORMACIÓN »
2009 Mujeres Asesinas 2 (Soledad, Cautiva) Esteban INFORMACIÓN »
2009 Tiempo Final 3 (El Billete) Arturo INFORMACIÓN »
2011 El Equipo Fermín Pérez INFORMACIÓN »
2011 El Diez Salvador Espinoza INFORMACIÓN »
2011 El Encanto del Águila Aquiles Serdán INFORMACIÓN »
2014 Super Cerebros Jurado INFORMACIÓN »
2014 El Capo 3 Juan Vicente Blanco (‘Niño Malo’) INFORMACIÓN »
2014 La Ciencia de lo Absurdo Presentador INFORMACIÓN »
2015 Sense8 Hernando INFORMACIÓN »
2015 El Dandy Jurado INFORMACIÓN »
2016 Drunk History LA Che Guevara INFORMACIÓN »

TELENOVELAS

Ano Telenovelas Personagem Mais
2002 Clase 406 Juan David INFORMACIÓN »
2004 Rebelde Miguel Arango INFORMACIÓN »
2009 Camaleones Sebastián Jaramillo INFORMACIÓN »

TEATRO

Ano Obra Personagem Mais
2008 The Pillowman Michal INFORMACIÓN »
2010 Rain Man Charlie Babbitt INFORMACIÓN »
2012 Nadando con Tiburones Gus INFORMACIÓN »

DOBLAGENS

Ano Filmes/Séries Personagem Mais
2008 Igor Igor INFORMACIÓN »
2012 El Lórax: En busca de la Trúfula Perdida Ted INFORMACIÓN »
2013 Los Croods Guy INFORMACIÓN »
2013 Metegol Amadeo INFORMACIÓN »
2014 The Awesomes en Español Jun (padre de Tim/Sumo) INFORMACIÓN »
2015 Minions Walter Nelson INFORMACIÓN »

Também disponível em: Español English

Share
Curtir
Curtir Amei Haha Uau Triste Grr